24/01/2021

3º Domingo do Tempo Comum

 

 

   

 

 

O Senhor chama os Doze primeiros, eles escutam sua voz e respondem com generosidade. O Senhor nos oferece sua vida e se entrega por amor de nós. Por isso, quando nos chama é para que sigamos a Ele e com Ele testemunhemos o Reino aqui e agora. Jesus não chama para que sigamos uma ideia ou filosofia, mas sua pessoa. Os chamados devem estar ligados nele, vinculados na sua pessoa e missão.

  

 

Liturgia da Palavra - Deus nos fala

Levantar-se e pôr-se a caminho como fez Jonas, mesmo com todas as exigências do chamado e da missão, é o que hoje precisamos fazer.  

 

 

1ª Leitura - Jn 3,1-5.10

Leitura da Profecia de Jonas:

A palavra do Senhor foi dirigida a Jonas, pela segunda vez: "Levanta-te e põe-te a caminho da grande cidade de Nínive e anuncia-lhe a mensagem que eu te vou confiar".

Jonas pôs-se a caminho de Nínive, conforme a ordem do Senhor. Ora, Nínive era uma cidade muito grande; eram necessários três dias para ser atravessada. Jonas entrou na cidade, percorrendo o caminho de um dia; pregava ao povo, dizendo: "Ainda quarenta dias, e Nínive será destruída".

Os ninivitas acreditaram em Deus; aceitaram fazer jejum e vestiram sacos, desde o superior ao inferior. Vendo Deus as suas obras de conversão e que os ninivitas se afastavam do mau caminho, compadeceu-se e suspendeu o mal que tinha ameaçado fazer-lhes, e não o fez.

- Palavra do Senhor.

- Graças a Deus!

 

 

Salmo Responsorial - Sl 24

Mostrai-me, ó Senhor, vossos caminhos, vossa verdade me oriente e me conduza!

 

Mostrai-me, ó Senhor, vossos caminhos, e fazei-me conhecer a vossa estrada! Vossa verdade me oriente e me conduza, porque sois o Deus da minha salvação.

 

Recordai, Senhor meu Deus, vossa ternura e a vossa compaixão que são eternas! De mim lembrai-vos, porque sois misericórdia e sois bondade sem limites, ó Senhor!

 

O Senhor é piedade e retidão, e reconduz ao bom caminho os pecadores. Ele dirige os humildes na justiça, e aos pobres ele ensina o seu caminho.  

 

 

2ª Leitura - 1Cor 7,29-31

Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios:

Eu digo, irmãos: o tempo está abreviado. Então que, doravante, os que têm mulher vivam como se não tivessem mulher; e os que choram, como se não chorassem, e os que estão alegres, como se não estivessem alegres; e os que fazem compras, como se não possuíssem coisa alguma; e os que usam do mundo, como se dele não estivessem gozando. Pois a figura deste mundo passa. 

- Palavra do Senhor.

- Graças a Deus!

 

 

Evangelho - Mc 1,14-20

Anúncio do Evangelho de Jesus Cristo, escrito por Marcos:

Depois que João Batista foi preso, Jesus foi para a Galileia, pregando o Evangelho de Deus e dizendo: "O tempo já se completou e o Reino de Deus está próximo. Convertei-vos e crede no Evangelho!"

E, passando à beira do mar da Galileia, Jesus viu Simão e André, seu irmão, que lançavam a rede ao mar, pois eram pescadores. Jesus lhes disse: "Segui-me e eu farei de vós pescadores de homens". E eles, deixando imediatamente as redes, seguiram a Jesus. Caminhando mais um pouco, viu também Tiago e João, filhos de Zebedeu. Estavam na barca, consertando as redes; e logo os chamou. Eles deixaram seu pai Zebedeu na barca com os empregados e partiram, seguindo Jesus. 

- Palavra da Salvação.

- Glória a vós, Senhor!

 

 

Reflexão

Viver no Senhor, aqui e agora!

- Tempo de salvação

"Completou-se o tempo e o Reino de Deus está perto". Esse é o início e o resumo da pregação de Jesus. A salvação e a paz não são apenas promessas para o futuro, mas são colocadas ao nosso alcance. Com ele e por ele vivemos envolvidos pela ação misericordiosa de Deus que nos salva. Jesus não nos oferece somente normas de vida, mas nos une a si e nos faz participantes de sua vida divina. Por isso, pela fé podemos entregar-nos totalmente a Deus, podemos amar e viver no bem e na verdade.

Salvação no dia a dia

O filho de Deus assumiu nossa humanidade, viveu a nossa vida. Não nos leva para viver num outro mundo, mas nos tornou possível viver de um modo novo a nossa realidade humana. Leva-nos a viver como filhos e filhas de Deus, como casados ou solteiros, em qualquer lugar ou profissão, servindo aos irmãos e sendo por eles servidos, na abundância, na saúde, na tranquilidade, ou nas privações, na doença e nas dificuldades. Não precisamos procurar longe, a salvação está perto de nós, ao nosso alcance, em nosso dia a dia.

- Basta seguir Jesus

Somos convidados e podemos aceitar ou não a vida que ele nos possibilita agora e a que nos promete para a eternidade. Ele nos procura em nossa realidade pessoal, como procurou aqueles pescadores e aquele cobrador de impostos.

Se lhe damos preferência acima de tudo, ele nos promete tudo, toda paz e todo bem. Sejam quais forem as circunstâncias, ele nos dará a alegria e a felicidade de que tanto precisamos. E mais. Se aceitamos seguir com ele, jamais nos abandonará no caminho e, como fez com Pedro, fará de nós pescadores de tantos que andam às cegas e tristes sem saber para que viver. Não nos promete vida fácil, mas garante que em tudo e apesar de tudo seremos felizes. 

Pe. Flávio Cavalca de Castro, C.Ss.R.

Deus Conosco dia a dia - Ed.Santuário (24/01/2021)

 

 

Preces da Comunidade

Confiantes na misericórdia do Senhor para conosco, ergamos o coração em prece ao Deus de bondade infinita.

 

1. Confirmai a missão de vossa Igreja, e assim ela seja instrumento de vosso Reino, nós vos pedimos, Senhor.

- Senhor, fazei-nos servidores de vosso Reino!

 

2. Iluminai nossas Comunidades no seguimento de vosso Filho e na escuta do Evangelho, nós vos pedimos, Senhor.

- Senhor, fazei-nos servidores de vosso Reino!

 

3. Dai-nos a luz de vosso Santo Espírito, para que, na leitura, escuta e meditação de vossa Palavra, sejamos fiéis ao vosso Reino, nós vos pedimos, Senhor.

- Senhor, fazei-nos servidores de vosso Reino!

 

4. Fazei-nos atentos aos sinais dos tempos, para compreendermos vossa vontade sobre nós hoje, nós vos pedimos, Senhor.

- Senhor, fazei-nos servidores de vosso Reino!

 

5. Outras intenções...

 

Senhor Deus, que, ao vos dirigir nossos rogos, sejamos agraciados por vossa bondade e misericórdia. Isso vos pedimos, por Cristo, vosso Filho e Senhor nosso.

- Amém.

 

*   *   *

 

   

 

© desde 25/12/2006 - Basílica Nossa Senhora do Carmo - Campinas - SP - Brasil